Regime tributário: saiba como escolher o ideal para a sua empresa.

Encontre o regime tributário ideal para a sua empresa prestadora de serviços

A escolha do regime tributário precisa ser adequada à realidade da sua empresa. Caso contrário, poderá trazer prejuízos financeiros. Conheça o ideal para o seu negócio.

A escolha do regime tributário é uma decisão importante e precisa ser tomada com cuidado, para isso, é necessário que o empreendedor conheça os regimes disponíveis. 

Essa escolha impactará diretamente no sucesso de sua empresa. Sendo assim, caso o empreendedor opte por um regime inadequado, corre o risco de ter prejuízos financeiros. 

Por isso, você precisa entender sobre os regimes de tributação disponíveis no Brasil. Para que, assim, encontre o mais adequado para a sua empresa prestadora de serviços. 

É importante destacar que devido à importância desta escolha é essencial contar com o auxílio de profissionais qualificados. 

Elaboramos este artigo para que você conheça os regimes de tributação e, assim, possa encontrar o que seja ideal para o seu modelo de negócio.

Confira!

Regime tributário: o que é?

O regime tributário é a modalidade tributária que a empresa escolherá para ter os seus impostos recolhidos. 

Para o enquadramento nos regimes disponíveis, são determinantes: o porte da empresa, a atividade exercida, o faturamento e alguns outros fatores.

No Brasil, o empreendedor poderá optar por três modalidades de tributação disponíveis, são eles:

  • Simples Nacional;
  • Lucro Presumido;
  • Lucro real.

A seguir, detalharemos cada um deles para que você consiga compreender e possa fazer a melhor escolha possível. 

Simples Nacional

O simples nacional é o regime de tributação conhecido como o mais simplificado. Ele é conhecido dessa forma, pois reúne, em uma única guia de tributação, todos os impostos que serão tributados. 

Assim, o empreendedor não precisará emitir separadamente as guias de cada imposto para realizar o pagamento. 

A empresa prestadora de serviço que deseja se enquadrar nessa modalidade, precisa seguir alguns requisitos, por exemplo, possuir faturamento bruto anual de até R$4.8 milhões, entre outras coisas.  

Lucro presumido

Nessa modalidade de regime tributário, qualquer empresa pode solicitar enquadramento, mas, para isso, o seu limite de faturamento anual não pode ultrapassar o valor de R$ 78 milhões. 

Neste caso, o imposto da Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido e o Imposto de Renda têm como referência um valor de alíquota definida pela Receita Federal. 

Lucro Real

O Lucro Real é um regime direcionado a empresas que possuam faturamento anual maior que R$ 78 milhões. 

Nesse regime tributário, as alíquotas que incidirão sobre sua empresa serão calculadas com base no lucro real do seu negócio. 

Ou seja, o cálculo para o lucro real é baseado na subtração da receita sobre as despesas.

Planconsul Assessoria Contábil: ajudando você a escolher o regime tributário mais adequado à realidade da sua prestadora de serviços

Agora você já sabe sobre a importância da escolha correta do regime de tributação e as principais modalidades disponíveis no Brasil. 

Contudo, na hora de fazer a escolha ideal para o seu negócio, é importante contar com a ajuda de profissionais capacitados para essa decisão. 

E nós, da Planconsul Assessoria Contábil, temos uma equipe técnica especializada em regimes tributários e no setor de prestação de serviços. Logo, vamos esclarecer todas as suas dúvidas e prestar todo o suporte necessário para o crescimento e desenvolvimento da sua prestadora de serviços, assim como para a resolução de todas as questões burocráticas, contábeis e tributárias.

Para isso, é só escolher um dos nossos canais de comunicação e entrar em contato conosco.

Será um prazer atendê-lo!

ENTRAR EM CONTATO!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *